Universidade de Coimbra: Pólo III

A implementação da democracia em Portugal, em 25 de Abril de 1974, levou a uma democratização do ensino superior e, consequentemente , a Universidade de Coimbra, viu-se impelida a ampliar suas instalações e a construir os Pólos II e III.A alta universitária inclui apenas uma parte da actual Universidade de Coimbra, que se estende por

A implementação da democracia em Portugal, em 25 de Abril de 1974, levou a uma democratização do ensino superior e, consequentemente , a Universidade de Coimbra, viu-se impelida a ampliar suas instalações e a construir os Pólos II e III.A alta universitária inclui apenas uma parte da actual Universidade de Coimbra, que se estende por várias áreas da cidade, com suas oito faculdades, dezenas de centros de pesquisa , um Centro de Investigação Interdisciplinar, centros de negócios , um estádio universitário, o Museu da Ciência, o Teatro Académico Gil Vicente, o Jardim Botânico, estruturas de apoio para os alunos ( residências estudantis, restaurantes universitários, bares, salas de estudo, salas de convívio) e a maior academia de Portugal.

O terceiro pólo da Universidade de Coimbra – o Pólo III – é o Pólo das Ciências da Saúde. Começou a ser construído em 2001 e assume-se como uma das maiores áreas de cuidados de saúde na Europa, juntamente com os Hospitais da Universidade de Coimbra, o Instituto Português de Oncologia, o Instituto Nacional de Medicina Legal e o Hospital Pediátrico de Coimbra.

O Pólo III da Universidade de Coimbra abraça os seguintes edifícios:
– Unidade Central | Arquitectos: José Moreira Barra e Tiago Barreiros
– Faculdade de Farmácia | Arquitectos: Pedro Matos Gameiro e Carlos Crespo
– Sub-unidade 3 | Arquitecto: João Pedro Serôdio
– Icnas – Instituto de Ciências Nucleares Aplicadas à Ciência | Architect: João Pedro Serôdio | Serôdio, Furtado & Associados
– Biomed III – Atelier Inês Lobo
– Biblioteca Central – Cadaval de Sousa/Costa Lopes , CLCS – Arquitectos, Lda
– Residência universitária – Architect Paula Santos
– Cantina – Lima Gaspar e Lobato Santos

A Universidade de Coimbra é hoje um exemplo de uma demanda constante de crescimento e de incremento de gestão, investigação e modelos pedagógicos, assim como de uma ligação crescente com a comunidade local, contribuindo para o desenvolvimento da ciência, da técnica e da cultura, enquanto elemento central da vida dos cidadãos. É por essa razão que a Universidade de Coimbra desempenha um papel cimeiro em inúmeros projectos, quer em Portugal, quer no espaço europeu.

Universidade de Coimbra - Pólo III
Azinhaga de Santa Comba, Celas
Coimbra

Return to the top